A realidade da redundância | Manual da Etiqueta e Boas Maneiras