Isso é fácil – tudo se resume a RESPEITO. Descubra o que significa para si e para os outros quando é visita na casa de outras pessoas. Sinta-se em casa, claro – ninguém quer uma pessoa muito formal e desconfortável na sua sala – mas trate a casa das outras pessoas como o castelo delas e viva consoante as suas regras.

155 Funções oficiais - Funções oficiais

Funções oficiais

Quando se é convidada para um acontecimento especial como representante da sua empresa ou clube, as coisas pioram. Não se pode escapar cedo e não se podem evitar determinadas pessoas. Tente ver estas reuniões como uma extensão do seu trabalho e veja o lado positivo – não lhe está a custar dinheiro nenhum, pode fazer contactos valiosos e ganha alguns pontos na consideração do seu chefe.

 

Antes de ir, descubra;

♦ Qual o tipo de vestuário a usar.

♦ Quanto tempo deve permanecer na festa.

♦ Se o seu chefe/colega gostaria que lá estivesse antes de iniciar a festa para receber e dar as boas-vindas aos outros convidados.

♦ Se existe alguém a quem deve dar especial atenção,

♦ Que tópicos de conversação devem ou não ser mencionados.

Republished by Blog Post Promoter

145 Ficar alguns dias - Ficar por alguns dias

Ficar por alguns dias

Se vai ficar em casa de alguém por alguns dias, a tensão aumenta. Os melhores convidados saem após cinco horas, por isso ficar algumas noites pode por em perigo a vossa relação. Sabe-se que uma toalha molhada deixada no chão já fez terminar grandes amizades. Eis como salvar a sua amizade e manter um telhado onde se abrigar:

♦ Assim que entra pela porta, agradeça. Mais e mais.

 

♦ Leve um presente especial – uma simples caixa de chocolates não serve. Escolha um bom livro ou disco, uma moldura ou um ramo das flores preferidas do dono da casa.

♦ Guarde os seus pertences imediatamente no quarto. Deixe o mínimo possível de sinais da sua estadia.

♦ Seja limpa. Não deixe pratos sujos na cozinha para outros limparem.

♦ Saia tanto quanto for socialmente aceite. Obviamente que não deve tratar a casa como um hotel, mas deixe aos residentes tempo para ficarem sozinhos.

♦ Não esteja à espera do dono da casa para ter transporte. Verifique os comboios e autocarros.

♦ Se vêm mais pessoas, ofereça-se para se ir embora.

♦ Use os seus sentidos. Se detectar alguma irritação no ar, vá para a cama mais cedo.

♦ Pergunte-lhes qual a rotina deles para não parecer grosseira. Talvez seja melhor não ficar acordada toda a noite a ver televisão e depois dormir o dia inteiro.

♦ Não permaneça na casa de banho mais tempo do que o necessário. Duche, sim. Banho de imersão por duas horas, não. Se a água quente estiver a acabar, avise-os.

♦ Seja cuidadosa: escolha fruta fresca, flores e chocolates para todos.

♦ Ofereça-se para ajudar a pagar as contas ou para ajudar no trabalho da casa. E não se sinta chocada se aceitarem – as pessoas podem estar numa altura em que o orçamento esteja mais apertado e ficar em casa deles pode ser ainda mais barato que ficar num hotel.

♦ Ofereça-se para fazer o jantar e para lavar a loiça nas noites em que não cozinha. Ofereça-se para mudar os lençóis quando sai.

♦ Se vai ficar mais de três noites, leve os anfitriões para jantar fora.

Republished by Blog Post Promoter

153 O amor muda tudo - O amor muda tudo

O amor muda tudo

Se algum dos seus anfitriões se atirar a si, recuse-se firmemente e evite ser deixada em casa sozinha. Não conte a ninguém a não ser que ache que as suas novidades farão mais bem do que mal, e não conte ao seu companheiro enquanto ainda lá está. Não pense: “Então está bem” e salte para a cama. Isto é abusar da hospitalidade ao mais alto grau. Em geral, é insensato ficar em casa de alguém que sabe gostar de si. O seu sentido de gratidão pode metê-la em todos os tipos de sarilhos… e essa pessoa estará apenas a um corredor de distância.

Republished by Blog Post Promoter

142 Responder ao emissor - Devolver ao emissor

Devolver ao emissor

Quando responde a um convite, dê uma resposta de “sim” ou “não” imediatamente – nada de “talvez”. Essa resposta é grosseira para os anfitriões e pode atrasar os pianos deles. Os jantares, por exemplo, demoram imenso tempo a organizar.

Nunca se esqueça de responder e de aparecer na noite do jantar. Se não responder, isso poderá implicar que não há mais cocktails nem jantares para si, minha senhora mal-educada.

 

Nunca compareça num jantar com uma pessoa que não foi convidada. Se quiser levar alguém, pergunte primeiro.

Se, à última hora, não puder ir, informe o anfitrião imediatamente.

Eis como ajudar o anfitrião ou anfitriã a divertir-se:

1. Chegue a horas com uma quantidade generosa de vinho e pergunte se eles precisam de ajuda.

2. Seja sociável. Se os anfitriões estão noutro lado, apresente os outros convidados e converse.

3. Não tente sobrepor-se aos anfitriões – esta noite é deles.

4. Elogie a comida, a decoração e tudo o que genuinamente admirar.

5. Não conte anedotas racistas, sexistas ou homofóbicas, mas pode discutir política e religião.

6. Não exija ser o centro das atenções – deixe os outros ter uma palavra a dizer.

7. Ajude o indivíduo que parece um pouco solitário – isso impede o anfitrião de se preocupar.

8. Alegre-se e anime-se (não se embriague nem grite).

9. Se se pretende uma noite divertida e social, não fale de trabalho durante toda a noite.

10. Tenha atenção às necessidades das pessoas – se o seu anfitrião olha para o relógio duas vezes em apenas cinco minutos, é altura de sair.

Republished by Blog Post Promoter

Time executed 0 seconds