Existem alguns locais onde vamos diariamente que podem provocar algum tipo de desconforto, mas que temos de continuar a lá ir. O que devemos fazer? Nós ajudamos.

24 O ginásio - O ginásio

O ginásio

Nunca foi possível compreender as mulheres que realmente gostam de transpirar vestidas em “Lycra” enquanto saltam para cima e para baixo num aparelho. Especialmente as magras. Mas os ginásios constituem um mal necessário na sociedade sedentária de hoje.
Como ficar, então, saudável com um mínimo de tensão?

♦ Se não aprecia a ideia de balneários e duches comuns, equipe-se com antecedência e tome duche em casa.

♦ Compre roupa de ginástica nova com a qual se sinta bem e elegante – muitas mulheres sentem-se desleixadas no ginásio, e não é surpreendente, quando usam uma t-shirt que parece um saco e as calças de treino do namorado.

♦ Exercite-se ao seu ritmo (peça ao professor que lhe faça um programa pessoal) e não tente competir com aqueles que a rodeiam.

♦ Na piscina, permaneça no lado direito e acelere em direcção à sua pista.

♦ Limpe sempre o seu tapete depois de o utilizar.

♦ Convença uma amiga a ir consigo para tornar o exercício físico um evento social.

Republished by Blog Post Promoter

27 O spa - O spa

O spa

Pode ser intimidante para si ficar como veio ao mundo, saltar para cima de uma mesa e colocar-se nas mãos de um profissional. Mas eles também já viram tudo antes – e até muito pior – por isso não fique nervosa. A maioria nem está preocupada em olhar, concentra-se noutra coisa. Um bom terapeuta explica o que vai acontecer e que peças de roupa pode deixar vestidas. Se não o fizerem, pergunte. É-lhe permitido fazê-lo.

 

Eis mais algumas sugestões:

♦ Não se preocupe se a roupa interior não combinar – você está a fazer um tratamento e não a passar modelos de lingerie. Num tratamento corporal devem ser-lhe oferecidas cuecas de papel.

♦ Não se sinta na obrigação de conversar. Ê um elogio para o terapeuta se você relaxar… e até dormitar.

♦ Não tem de dar gorjeta em tratamentos de beleza e de saúde, mas, se o tratamento foi muito bom, dez por cento é uma boa orientação.

♦ Mantenha a roupa vestida a não ser que tenha instruções em contrário, por exemplo na sauna ou no banho turco. Use o seu senso comum para distinguir pervertidos e não se sinta mal se apresentar queixa caso alguém esteja a olhar para si de forma estranha através do vapor.

♦ Se tem de usar um solário, limpe-o antes e depois de o utilizar e não permaneça lá durante muito tempo — pode haver uma fila a formar-se lá fora.

Republished by Blog Post Promoter

28 Reuniões de amigos - Reuniões de amigos distantes

Reuniões de amigos distantes

Bem, não são ocorrências diárias, mas, quando se é convidada para uma, já sabemos como vai ser: ver pessoas que evitámos durante anos levanta várias questões – e irritantes dúvidas quanto a se engordámos/ficámos chatas/com rugas. Mas deve comparecer. Reencontros do passado podem fazê-la sentir-se nostálgica e calorosa, mas fazer um apanhado da sua nova vida para contar a virtuais estranhos pode ser uma boa oportunidade para alguma auto-análise. Todos estarão nervosos, por isso parta desse princípio quando vir a primeira cara amigável e tudo correrá bem.

Republished by Blog Post Promoter

26 Transportes - Transportes

Transportes

Ser empurrada num autocarro ou comboio como se fosse gado não é muito dignificante, especialmente na hora de ponta quando as pessoas estão todas suadas e malcheirosas. Mantenha-se calma, leve a bagagem mínima para não incomodar os outros e use um
bom desodorizante. Se está constipada, lembre-se dos lenços – todos conhecem as fungadelas horríveis. Não se preocupe demasiado se tiver tosse: tape a boca e lembre-se que todos já
passámos por isso e sabemos como funciona.

Esqueceu-se de comprar o bilhete? A honestidade é a melhor política. Dirija-se ao fiscal. Mesmo que ele lhe cobre uma multa, pelo menos terá uma melhor posição moral.

Sente-se culpada por ter lugar quando os outros estão de pé? Ofereça sempre o lugar aos mais idosos, às grávidas e aos deficientes. Se não existir nenhum destes casos, aprecie a sua boa
sorte.

Finalmente, como mulher moderna, não deve sentir-se ofendida se um indivíduo da mesma idade e saudável está sentado enquanto você vai de pé. O cavalheirismo é uma coisa bonita, mas na vida não podemos esperar que tudo venha ter connosco. Pelo menos, nem sempre…

Republished by Blog Post Promoter

25 O médico - No médico

No médico

Aqui, juntamente com o medo de esperar muito tempo e de apanhar um vírus, existe sempre a preocupação de o médico pensar que está a fazê-lo perder tempo… E então, está? Não, por isso não se sinta culpada por estar ali. E não se sinta mal por se afastar das pessoas que espirram – tem o direito de estar nervosa. Peça para ser atendida por uma médica se acha que a faz sentir melhor. Use sempre roupa interior com a qual não se preocupa de a verem vestida, caso lhe peçam para se despir. Saiba que os médicos estão ali para ajudar e já viram tudo um milhão de vezes. Mais vale prevenir que remediar.

Republished by Blog Post Promoter

29 Provadores de lojas - Provadores de lojas

Provadores de lojas

Verifique quais as lojas que possuem áreas de provadores comuns e, se não gostar disso, compre sem experimentar (mantenha as etiquetas até ver se lhe fica bem, para o caso de ter de trocar) ou vá a uma hora em que saiba que os provadores estarão relativamente vazios.

Todas as lojas produzem tamanhos diferentes, por isso não se aborreça se usa um tamanho 36 e nesse dia tem de comprar um 38 – compre o que lhe fica melhor e corte a etiqueta.

Não fique desencorajada com uma vendedora autoritária e não a deixe obrigá-la a comprar. Diga-lhes educadamente que está tudo bem e que consegue escolher sozinha. Se precisa de conselhos, não os peça à intrometida vendedora, mas à mulher bem vestida do cubículo do lado.

Republished by Blog Post Promoter

Time executed 0 seconds