Posts

178 Desistir - Desistir

Desistir

No entanto, por vezes as pessoas mudam e as discrepâncias não podem ser remendadas. Se alguém repetidamente a desaponta ou a faz sentir-se mal, pense se deseja esta pessoa na sua vida. Se os contras são superiores aos prós, não os ature. Em todas as relações tem de se dar e receber – certifique-se de sempre a mesma pessoa a dar. O ressentimento não alicerce para uma amizade saudável.

194 Voltar ao bom caminho - Voltar ao bom caminho

Voltar ao bom caminho

♦ Pense naquilo que disse/fez. Existe alguma verdade nisso? Sente-se culpada porque alguém está a sofrer, mas ainda acha que devia ter dito o que disse? Se assim for, solte-se um pouco. Você foi ótima – agiu com boas intenções mesmo que todos os outros estejam a queixar-se.

♦ Peça desculpa. São precisos dois para dançar o tango, mas, se está a perder o sono, seja a primeira a pedir desculpa. Não está a voltar atrás. Está agir com grande dignidade e maturidade.

♦ Ultrapasse isso. A culpa é uma emoção muito cansativa. Você não matou ninguém (espero). Quanto mais velhos ficamos mais fácil é entender que os adultos cometem erros.

♦ Aprenda com isso. Você não é cão dura nem insensível como pensava. Não gosta de ser cruel (mesmo que seja para o melhor). Lembre-se, tempos difíceis ajudam-nos a compreender os tempos difíceis de outras pessoas. Até as experiências mais horríveis nos ensinam algo sobre as pessoas e sobre a forma como interagimos.